CARRÉ 35

de Éric Caravaca | Documentário | 2017 | 1h07

Argumento: Éric Caravaca, Arnaud Cathrine
Origem: França, Qatar, Alemanha
Produção: Laetitia Gonzalez, Yaël Fogiel
Vendas Internacionais: Pyramide
Estreia em França: 01/11/2017
Festivais: Festival de Cannes, 2017 – Selecção Oficial

“Carré 35 é um lugar que nunca foi pronunciado na minha família; é lá que a minha irmã mais velha está enterrada, falecida aos três anos de idade. Esta irmã da qual ninguém me falou e da qual os meus pais, curiosamente, não guardam nenhuma fotografia. É para combater esta ausência de imagens que comecei este filme. Acreditando simplesmente entrar numa vida esquecida, abri uma porta com um passado que eu ignorava, sobre esta memória inconsciente que existe em cada um de nós, e que faz parte do que somos.”

O Realizador: Formado no Conservatório de Paris, começa a sua carreira no teatro. Faz a sua primeira aparição no filme de Diane Bertrand, Un Samedi sur la Terre (Un Certain Regard, 1996). Em 2000, foi premiado com o César Melhor Actor pelo seu papel em C’est Quoi la Vie?, de François Dupeyron. Associado ao cinema de autor, trabalhando com realizadores como Jean-Pierre Limosin, Alnoy Siegrid ou Werner Schroeter, muda-se então para trás das câmaras para realizar o seu primeiro filme The Passenger, apresentado na Semana da Crítica Internacional em Veneza 2005 e vencedor do Grande Prémio do Júri e Prémio do Público no Festival de Belfort.

Um documentário na primeira pessoa, em forma de autópsia de uma história familiar. Sessenta e sete minutos arrebatadores.
Samuel Douhaire, Télérama

LISBOA, QUARTA 11 OUT 21h30 Cinema São Jorge – Sala Manoel de Oliveira
PORTO, TERÇA 24 OUT 22h00
BEJA, SEXTA 10 NOV 21h30
SETÚBAL, SÁBADO 11 NOV 16h00